segunda-feira, 17 de agosto de 2009

defendendo-se violentamente
de ataques imaginários

deduzindo e inventando doentiamente

ajoelha
justifica
diante toda e qualquer provação

não é divertido nem honrado ser louco paranóico

a parte divertida é a que a imagina em cima do teu pau
a que te olha e sorri